top of page
  • Foto do escritorprojetacomunicacao1

Pode ser tireoide?

Na fase pós-parto, é bastante frequente a ocorrência do conhecido “baby blues”. Trata-se de uma instabilidade emocional transitória, desencadeada por fatores hormonais na mulher que está se adaptando à nova rotina. Este fenômeno afeta cerca de 50% das mulheres e geralmente se inicia aproximadamente 3 dias após o parto, manifestando-se por meio de sintomas como tristeza, choro fácil, ansiedade, irritabilidade, insônia e flutuações de humor.



Contudo, é importante diferenciar os efeitos do “baby blues” dos sintomas associados ao hipertireoidismo e ao hipotireoidismo.



A tireoidite pós-parto afeta cerca de 10% das gestantes, sendo três vezes mais comum em pacientes com histórico de outras doenças autoimunes. Essa condição pode se manifestar por meio de hipertireoidismo transitório, hipotireoidismo transitório ou, em alguns casos, por um ciclo que envolve ambas as condições.



A tendência natural da tireoidite pós-parto é evoluir para o estado eutireoideo, mas algumas mulheres podem desenvolver um hipotireoidismo permanente, sendo importante a reavaliação da função tireoidiana. #tireoide #endocrinologia

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page